quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

CLÓVIS RODRIGUES DE CARVALHO, um nome, um homem...

ITAITUBA - Sob forte comoção de familiares faleceu na data de 22/01/09, na Capital do Estado de Goiás, vitimado por complicações pós-operatórias, para retirada de um cisto em desenvolvimento, Clovis Rodrigues de Carvalho, o respeitável e honrado homem Clóvis Penedo, vastamente conhecido na região do Médio-Tapajós, por suas atividades na pecuária regional e mais por suas ações filantrópicas, em suas atividades sociais rotineiras.

Com grande desenvoltura e dinamismo Penêdo, dirigiu o Sindicato dos Produtores Rurais de Itaituba, onde promoveu sempre as ações em defesa do homem do campo, valorizando e incentivando a produção rural e destacando sempre em seu trabalho, apoio ao pequeno produtor. Alem de suas inúmeras participações sociais; pertenceu à Maçonaria, onde destacou-se com esmero na arte de caminhar sempre em busca do aperfeiçoamento moral do homem.

Mesmo causando surpresa a morte do ente-querido já que sua cirurgia recebia a conotação de uma intervenção de pouco risco, poucos dias antes de seu óbito com muita dignidade Clóvis reuniu a família e disse que se não saísse com vida da intervenção cirúrgica que seria submetido, teria por desejo ser sepultado ao lado de seus pais, em uma pequena fazenda da Zona Rural onde nascera e dera seus primeiros passos rumo cumprir sua trajetória de sucesso neste plano.

Clóvis Penedo, deixa viúva a senhora Regina e na orfandade Julie Rimet, Clóvis Filho, e Fernanda.

Parte das informações ora publicadas, foram repassadas por Julie Rimet filha do falecido, pela qual guardo profundo respeito e afeto, e que o Grande Arquiteto do Universo, colocou em minha vida como uma cunhada de valor imensurável.

2 comentários:

Anônimo disse...

Prezado Walter,
Eu estava estranhando a ausência de referências a respeito de nosso amigo e Ir.!. Clovis Carvalho.
De fato, fará muita falta à região a presença ativa e participativa desse cidadão, verdadeiro exemplo de desprendimento em prol das causas sociais e comunitárias.
Sempre disponivel, participava ativamente dos movimentos em prol do desenvolvimento da região do Tapajós.
Seu legado de vida, seu exemplo de condução de negócios servirão de motivação à todos aqueles que acreditam que é possivel crescer acreditando na justiça, na solidariedade, na fraternidade, mas sobretudo levando do discurso à pratica essas virtudes.
Se fizeres um pequeno levantamento, verás que na maioria das conquistas que a região obteve graças à mobilização da sociedade, o Clovis esteve sempre presente.
A sua familia, que no dia 30.01.09 retornou à Itaituba, a sua ausência será com certeza muito mais sentida, mas a saudade daquele cidadão alegre, barulhento, disposto, leal, combativo, será de todos nós.
Um abaço.
Vilson Schuber

Unknown disse...

Walter, obrigado pela postagem que vc colocou sobre meu PAI, realmente ele foi um cidadao , pai, amigo,esposo, filho, avô inigualavel e insubstituivel. Ele adotou a cidade de Itaituba e lutou pela melhoria da populaçao em geral. Sou privilegiada em levar seu sobrenome e ter sido sua filha,vou procurar seguir seu exemplo.
Um forte abraço
Julie Rimet CARVALHO