RASTILHO DE PÓLVORA ESTÁ ACESO

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

SÓ? - Elize é condenada a quase 20 anos de prisão



Elize Matsunaga, 35, foi condenada a 19 anos, 11 meses e 1 dia de prisão, na madrugada desta segunda-feira (5). A enfermeira assassinou e esquartejou o marido e empresário Marcos Kitano Matsunaga, em maio de 2012, além de ocultar o cadáver.

Os jurados, quatro mulheres e três homens, ainda condenaram Elize pelo agravante de: impossibilidade de defesa da vítima (tiro de curta distância), denúncia feita pelo Ministério Público.
A assassina teve metade da pena que poderia receber, que seria de 33 anos de prisão - 30 por homicídio e três por ocultação. Ao todo a condenação deu 18 anos e 9 meses pelo crime de homicídio qualificado e 1 ano, 2 meses e 1 dia, mais 11 dias multa, pela ocultação e destruição de cadáver.

Marcos Matsunaga foi assassinado no apartamento em que morava com Elize e a filha de um ano, em duplex de pouco mais de 500 metros quadrados, na Vila Leopoldina. Um tiro de pistola 380 efetuado por Elize, que em seguida esquartejou em sete partes o corpo do marido, que foi colocado em várias malas e espalhados na região de Cotia, na Grande São Paulo.

Elize estava presa preventivamente desde junho de 2012 na Penitenciária de Tremembé, no interior paulista.

Foi quase uma semana de julgamento que tiveram depoimentos longos, de cerca de 10 horas.  Foram 16 testemunhas ouvidas, 9 eram de acusações.
(Com informações do UOL)

Nenhum comentário: