RASTILHO DE PÓLVORA ESTÁ ACESO

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

OAB julga pedido de cassação do registro de Dirceu

Dirceu está preso em Curitiba desde o último dia 3, quando foi alvo da Lava Jato
 José Dirceu é visto dentro do carro da polícia federal enquanto é transferido para Curitiba - 04/08/2015
José Dirceu é visto dentro do carro da Polícia Federal enquanto é transferido para Curitiba (PR) - 04/08/2015(Marcello Casal/Agencia Brasil/Handout/Reuters)
O conselho da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) se reúne na tarde desta segunda-feira em São Paulo para julgar o pedido de cassação do registro de advogado do ex-ministro da Casa Civil José Dirceu. O processo segue em sigilo, por isso não foi informado o autor do pedido e sua motivação. O julgamento poderá ser adiado por pedido de vista de um dos integrantes do colegiado.
Dirceu formou-se em Direito pela Pontífica Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) em 1983, poucos anos depois de retornar do exílio e ser beneficiado pela Lei da Anistia.
Condenado no processo do mensalão a sete anos e onze meses de prisão por corrupção, o ex-ministro cumpria pena em regime domiciliar quando, no último dia 3, foi preso preventivamente na 17ª fase da Operação Lava Jato, batizada Pixuleco, por ordem da Justiça Federal por envolvimento no esquema de corrupção do petrolão. Ele ainda permanece na Custódia da Polícia Federal, em Curitiba (PR).
O Conselho da Ordem é formado por oitenta membros fixos e oitenta suplentes. É necessária maioria absoluta de votos para que seja declarada a inidoneidade de Dirceu, provocando o cancelamento de seu número de OAB e a consequente exclusão da entidade.
Veja-online

Nenhum comentário: