RASTILHO DE PÓLVORA ESTÁ ACESO

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

FACILIDADE DE SE CRIAR UM MARGINAL

A legislação que protege a criança e adolescente proíbe o uso a varinha  a palmatória, a sola os beliscões na orelha, como medida de conter peraltices e rebeliões de filhos "mimados", ajudando assim  criar-se adolescentes rebeldes, e depois  graduarem na marginalidade e especializarem muito desses na pura bandidagem.
Nossas mães sim foram até a pouco tempo juízas rigorosas, que na penalidade aplicada distribuíam um pequeno corretivo doído mas carinhoso que colocava o "aborrecente" no caminho mais próximo da senda do bem.
Ainda sou pelas ações da 1a. Vara da Infância e da Juventude para conter o avanço do risco de criarmos uma indústria de escórias da sociedade.

Nenhum comentário: