RASTILHO DE PÓLVORA ESTÁ ACESO

sábado, 27 de novembro de 2010

PARTICIPAÇÃO DO LEITOR SOBRE USINA HIDRELETRICA DE TLP

Sobre a postagem "AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE HIDRELETRICA TELES PIRES ...": o leitor PAULO UBIRATAN, comentou com muita propriedade e colocou o seu pensamento

Penso que vai beneficiar a região e é irreversível, portanto deve-se negociar para que melhores vantagens venham para os moradores das áreas afetadas. É um empreendimento fantástico, altamente lucrativo para os investidores, mas como sabemos não há nenhum proprietário do município, como tudo o que ocorre, sempre alguém vem de outro lugar investe, lucra e vai embora, mesmo quando há remanejamento de famílias ou privamento de atividade econômica, como pescadores, pilotos de embarcações...,o município receberá as compensações do impacto ambiental somado aos impostos, os atingidos serão idenizados, mas nimgúem vai participar da administração do negócio.

O negócio tem que beneficiar o morador da região na proporção em que ele é afetado,assim como beneficia o investidor na proporção dos seus investimentos.

A primeira coisa que os vereadores deveriam fazer é uma lei que garantisse a reserva de 5% das ações de todo empreendimento que obrigasse o remanejamento dos residentes para outras áreas(e os que perdem suas atividade profissional em decorrência),

porque além de ninguém pedir pra sair, os direitos garantidos por lei são pouco. Tenha-se o terreno como um capital, pois bem, sem ele não há represa, nem lago ou usina. É justo que os antigos donos tenham participação na ações da usina hidrelétrica, pois se os investidores visam lucro os antigos moradores também tem o mesmo direito, para tal deve haver regulamentação que garanta este direito, e o político que abraçar esta causa nunca mais deixa de ser eleito.

AGRADEÇO A ATENÇÃO

Nenhum comentário: