RASTILHO DE PÓLVORA ESTÁ ACESO

quinta-feira, 6 de maio de 2010

GARIMPEIROS FALIDOS/CIANETO À CÉU ABERTO/ABUSO/DEGRADAÇÃO AMBIENTAL


GARIMPEIROS DENUNCIAM A VEREADORES USO DE CIANETO NO GARIMPO DE OURO ROXO
 A DENÚNCIA
Jacareacanga - Atendendo pedido de moradores da comunidade garimpeira de São José e Porto Rico, a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania, Serviço Público e Redação Final-CCJCSPRF da Câmara de Vereadores de Jacareacanga, formada pelos vereadores Elias Freire (presidente), Carlos Augusto-Amazonas (relator) e Raimundo Acélio Aguiar (membro), além do presidente da Casa de Leis local Raimundo Batista Santiago, estiveram dia 21 (quarta), em São José para discutir com a comunidade local uma saída para o impasse criado com o fechamento pelo DPNPM e Policia Federal do garimpo da pimenteira de propriedade do garimpeiro Valdir Ferreira da Silva, localizado naquela comunidade.
De acordo com informações dos moradores, a desestabilidade econômica das comunidades garimpeiras de São José e Porto Rico, começou com a instalação da empresa de mineração denominada de Mineradora Ouro Roxo, onde um dos diretores é o empresário de Itaituba Dirceu Santos Frederico Sobrinho.
Diante da Comissão os moradores manifestaram sua indignação pelo fechamento do garimpo da Pimenteira e pela aquisição suspeita do garimpo da Cooperativa Ouro Roxo. “Apenas uma dezena de pessoas fechou o negócio com o Dirceu, enquanto que mais de 200 associados só ficaram sabendo que não eram mais donos do garimpo, quando foram notificados pela Mineradora Ouro Roxo”, disse um garimpeiro que não quis se identificar. “Agora estão nos expulsando de nossos ‘barracos’, alegando que vão nos indenizar. É daqui que tiramos o nosso sustento, por isso vamos defender os nossos interesses”, declara.
Uma das denuncias mais graves foi feita pelo morador conhecido como “Marcha Lenta” que mostrando um vasilhame com capacidade para 50 litros, disse que a Mineradora Ouro Roxo estaria usando de forma indiscriminada o CIANETO um produto químico letal para os seres vivos e de alto poder destrutivo para o meio ambiente. “Vejam o que a mineradora ouro roxo está deixando na nossa comunidade. Eles não estão trazendo nenhum desenvolvimento para a nossa região. Estão trazendo doença, destruição do meio ambiente e morte. Vários animais já morreram por causa do cianeto”, disse ‘Marcha Lenta’ exibindo um vasilhame de plástico. “Pedimos socorro às autoridades. Não deixem acabarem com o que construímos em mais de 30 anos”, concluiu emocionado o velho comerciante.
De acordo com ‘Marcha Lenta’ a comunidade está mobilizada para impedir que a Mineradora Ouro Roxo descarregue no porto da comunidade e na pista de pouso qualquer tipo de mercadoria.
Segundo os moradores da comunidade, já foram encontrados peixes, botos, cachorros e gado mortos às margens dos igarapés que cercam a comunidade. As imagens de fotos cedidas por moradores da comunidade à Comissão surpreenderam os parlamentares pela quantidade de embalagens que segundo os denunciantes, são de cianeto e que já foram usados na apuração do ouro. Uma das fotos sustenta a denúncia quando mostra algumas embalagens enterradas de forma aleatória dentro do garimpo.

DEFESA CIVIL E SEMMA INSPECIONAM GARIMPO
Uma equipe da Defesa Civil do Estado (4ª REDEC), membros da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil-COMDEC de Jacareacanga, o secretário de Meio Ambiente e Turismo local Everton Sales, além do técnico da Secretaria de Agricultura e Mineração Margomante Rodrigues de Sousa, estiveram no dia 03 de maio inspecionando a mina da Ouro Roxo.
O Major Luiz Claudio Rego dos Santos da 4ª RDEC que comandou a inspeção, acompanhado por técnicos da prefeitura de Jacareacanga foram unânimes em manifestar preocupação sobre a manipulação do CIANETO (KCN), uma vez que não há na mina um técnico responsável pela preparação do produto químico. A equipe da 4ª REDEC levou amostragens de água coletadas em quatro pontos distintos, entre eles no rio Pacu.
Já o laboratório onde se manipula o CIANETO, surpreendeu a equipe de inspeção, uma vez que o setor funciona em um barracão improvisado coberto com lona plástica e totalmente aberto, uma vez que não oferece nenhuma segurança a quem transita nas proximidades já que o gás liberado pelo produto, também é prejudicial à saúde.
Também a equipe de inspeção detectou a falta de equipamento de proteção individual, principalmente aos trabalhadores que têm contato direto com o material químico. A equipe flagrou alguns trabalhadores sem luvas, descalços e sem máscaras, lavando um tanque onde antes havia sido usado o CIANETO para extração do ouro. “Esses homens estão correndo o risco de sofrerem intoxicação grave que pode levar a morte”, disse Everton Sales. “Deve se ter extremo cuidado ao manipular esse composto, pois o contato com qualquer ácido converte esse composto ao Ácido Cianídrico (HCN), um composto letal. Tanto o Cianeto de Potássio, quanto o Ácido Cianídrico são consideradas substâncias hematóxicas (que intoxicam o sangue), podendo levar a morte”, reforça.
De acordo com o relatório expedido pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Turismo, a Mineradora Ouro Roxo não apresentou Licença Prévia, Licença de Instalação, não apresentou estudos como PRAD-Plano de Recuperação de Área Degradada, PCA-Plano de Controle Ambiental, RCA-Relatório de Controle Ambiental e nem certidões obrigatórias expedidas pelo município. 
Texto: Nonato Silva - Fotos: gentilmente cedidas por moradores do Garimpo
 -------Remendo RP
Além dos gravissimos problemas criados pela mineradora como poluição do meio ambiente, concorrendo para colocar em risco vidas, algo tem que ser feito em duas esferas; Policial/Justiça e Ministério do Trabalho:
Policial/Justiça - Verificar legalidade da transação do garimpo feito entre a Mineradora e alguns garimpeiros em detrimento da  grande maioria terem sido excluidos da transação, para se prevenir ação conflituosa.

Ministério do Trabalho  - Agir firmemente contra os trabalhos da mineradora, que expõe de forma criminosa seus trabalhadores que trabalham sem equipamentos de proteção manuseando produtos insalubres, e ainda sem registro trabalhista.

Um comentário:

Anônimo disse...

Caro Tertulino. Por favor as Fotos não abrem de jeito nenhum. Favor tente colocar em outro formato, ou coisa assim, de forma que a gente possa ver as imagens desse grave problema aí na região.