RASTILHO DE PÓLVORA ESTÁ ACESO

sábado, 20 de junho de 2009

DEU NO CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR

20/06/2009 | 00:00

Senadores ‘éticos’ têm rabos de palha

Os escândalos no Senado fizeram ressurgir uma certa “bancada ética” ou “patriótica” de senadores como o radical de esquerda José Nery (PSOL-PA), que viajou de Belém a Brasília em um jatinho de um empresário para votar em Tião Viana (PT-AC), que disputava com José Sarney a presidência da Casa. O “ético” Nery tentou esconder o nome do dono do avião, mas era o ex-governador tucano do Pará Simão Jatene.


Líder celular

Tião Viana, que se pretende líder da bancada “ética”, é aquele que deu à filha um celular do Senado para ela usar durante viagem internacional.

Ética a jato

O coronel tucano Tasso Jereissati (CE), da “bancada ética”, foi acusado de abastecer seu jatinho com crédito de passagem aérea do Senado.

Olhos vivos

Ex-presidentes como Jader Barbalho (PMDB-PA) não desgrudam do noticiário contra o Senado. Ainda têm por lá vários cadáveres insepultos.

Barbas de molho

Ao contrário de Lula, que duvidou de fraude na eleição, o amigo e ditador aposentado Fidel Castro guarda silêncio sepulcral sobre o caos no Irã.

Nomeação de mulher de senador causa polêmica

O senador Cristovam Buarque (PDT-DF) atribui a “tentativa de intimidação” o vazamento da informação de que sua mulher, Gladys, foi nomeada para um cargo na liderança do PDT do Senado. O problema é que ninguém acha o ato de devolução dela à Câmara dos Deputados, onde trabalha há 26 anos, por isso insinua-se, para revolta do senador, que foi mais um dos “atos secretos” do ex-diretor-geral Agaciel Maia.


Nenhum comentário: