RASTILHO DE PÓLVORA ESTÁ ACESO

domingo, 27 de julho de 2008

CAOS SE ESTABELECE NO TRÂNSITO EM ITAITUBA

ITAITUBA - Por sorte ainda não ocorreu acidentes de trânsito de grande proporção nas vias da cidade, ja que não estão sendo vistos os Agentes de Trânsito nas principais vias como de costume, e essa ausência é sentida devido o abuso de tráfego na contra mão de direção em algumas ruas, entre as quais, a Travessa Victor Campos, Lauro Sodré e Justo Chermont. à excessão desse ilícito, proliferam menores nos volantes, bem como o uso e abuso de motos no vai e vem, com condutores em alta velocidade sem capacete de proteção colocando em risco o a vida do transeunte . É hora de ser feito alguma coisa, para que seja prevenido acidentes e em consequência mortes no trânsito de Itaituba, como era costume num passado bem recente.

Indagado a um Agente de Trânsito os motivos da cidade estar abandonada sem a presença dos Agentes do Comtri, esse justificou que de um quadro funcional de agentes composto de 22; 6 passaram no concurso do Detran e se desligaram da Coordenação, 3 estariam, em férias e outro executa trabalhos administrativos interno, e que é obedecida uma escala de trabalho de seis horas diárias para cada agente.

Sem dúvida ja é hora do competente Chefe da Coordenação Municipal de Trânsito Ronaldo Serrão, fazer algo para prevenir essa situação. Deve cobrar responsabilidade do Prefeito, pois entrar na guerra sem armas é verdadeiro suicidio.

TRABALHO NO COMTRI É UM BICO
É isso mesmo! Não se aplica a todos os Agentes o efeito da frase, porém na Coordenação de Trânsito tem Agente que desenvolve sua função como um complemento para seu orçamento doméstico. Um desses é o Agente Francisco Firmino Bezerra, que é proprietário do Escritorio de Despachante Bezerra, e que após executar seu trabalho rotineiro em seu escritorio, transforma-se em um Agente de Trânsito nas ruas de Itaituba.

Em desfavor de Bezerra deve estar entrando no Fórum da Comarca de Itaituba uma ação Judicial por danos materiais e morais movida por um cidadão, que vendeu ao Agente/Despachante uma Motocicleta, e esse pediu que o vendedor assinasse o recibo somente porém o comprador (Bezerra) depois de muito usar a moto, vendeu-a para uma pessoa da cidade de Rurópolis, e nunca preencheu em seu nome o recibo, e dessa forma sem transitar em seu nome o bem que adquiriu, vendeu a outro e danos materiais, como multas, subtração de pontos na carteira podem estar ocasionando ônus ao cidadão que vendeu a moto ao Agente Bezerra.

Cá entre nós.... um Despachante teria fonte de atrativo melhor para seu escritório de que estar nas ruas como Agente de Trânsito? - Sente-se que entregaram um galinheiro pra a raposa tomar conta.
Como ja se conhece um pouco a cabeça pensante de nossos políticos, logo após vidas serem ceifadas em acidentes de trânsito, será tomada a decisão de se reorganizar a ação do Comtri em Itaituba, colocando no exercício pleno daquele órgão municipal, ordem, ética e mais funcionários para que trabalhem com exclusicidade, sem fazer daquela Coordenação um "bico"
Até agora.... -VIVA A ANARQUIA!!!

Um comentário:

Anônimo disse...

Seu Walter,

A situação do trânsito em Itaituba não é tão caótica assim como o senhor tenta pintar, não é o agradável trânsito de Londres, muito menos o inferno do tráfego em São Paulo, menos o de Santarém onde morrem quase que diariamente pessoas vitimas de acidentes.

Claro que precisa melhorar a sinalização e a ação dos agentes, porém na realidade precisa muito mais é que os condutores cumpram as leis do trânsito que evitaria muitos acidentes. É necessário ainda que os pedestres não andem no leito das ruas como é bastante comum em nossa cidade.

Por outro lado peço que o senhor volte a manter o bom senso e não caia na tentação de, a qualquer custo agredir servidores públicos ou agentes políticos, como fazem grosseiramente alguns meios de comunicação, com o objetivo mesquinho da politicagem.

O seu aborrecimento com um agente de trânsito não pode se generalizar, pois o senhor sabe que lá tem pessoas responsáveis e que trabalham com seriedade cumprindo suas obrigações. Aliás, não vejo que esteja errado uma pessoa cumprir com o seu trabalho e também ter outra atividade, isso é normal na sociedade de hoje. É até melhor estar trabalhando de que agindo de forma errada.

É bom esclarecer que na atual administração houve concurso e foram contratados novos agentes, também foi dado aumento salarial. Pois a pessoa com quem estou convivendo entrou neste último concurso.

Não vou detalhar pois não sei com precisão mas a atual coordenadoria tem bons projetos para serem colocados em prática para melhorar o Trânsito de Itaituba.

Faço esses esclarecimentos por que sou namorada de um agente e nas muitas conversas que ouço entre eles, vejo quanto é duro o trabalho dessas pessoas que muitas vezes são mal interpretadas e até agredidas na rua.

Para finalizar quero dizer que sou solidária ao senhor quanto as acusações feitas num comentário anterior aqui no blog, que foi muito bem esclarecida logo em seguida por uma postagem sua.

Da mesma forma que o senhor, sou itaitubense e entendo que é preciso as pessoas daqui e que moram aqui reconheçam e divulguem o que temos de riquezas naturais, de bom e bonito em nossa cidade. É preciso ultrapassar a visão mesquinha e pessimista de que tudo está um caos. Se nós que somos de Itaituba e quem mora aqui e ganha daqui não falar bem, não podemos esperar que os outros vejam o que temos de bom e bonito.

Carla Azulay