RASTILHO DE PÓLVORA ESTÁ ACESO

quarta-feira, 4 de junho de 2008

PIS e PASEP

Muitos brasileiros não sabem, mas o 14º salário dos trabalhadores não é só um trocado. São R$ 415 de abono neste ano. Saiba onde trabalhadores do setor privado e público podem retirar este benefício.

Milhares de trabalhadores brasileiros nem sabem que tem dinheiro esperando por eles no banco. -Será que os trabalhadores brasileiros sabem o que é o Pis e o Pasep? É o 14º salário dos trabalhadores brasileiros. Não é só um trocado, são R$ 415 de abono este ano.
Pis/Pasep são os programas de integração social e de formação do patrimônio do servidor. O trabalhador do setor privado recebe o Pis nas agências da Caixa Econômica Federal. E o servidor público recebe o Pasep nas agências do Banco do Brasil.
O Ministério do Trabalho informou que hoje, mais de 730 mil trabalhadores ainda não foram receber o salário a que têm direito e se eles não correrem atrás do dinheiro até dia 30 de junho milhões de reais vão voltar para o fundo de amparo ao trabalhador.
“Eu acredito que fique uma margem de uns R$ 200 a R$ 250 milhões que voltam para o fundo e que não vão ser pagos aos trabalhadores que não conseguirem retirar o seu recurso”, diz Carlos Lupi, ministro do Trabalho e Emprego
Depois de mais um dia de trabalho, Narzira fecha a loja onde é vendedora há 11 anos. Ela nunca deixa de receber o PIS.
É um dinheiro que vem em boa hora, principalmente para quem está precisando”, diz.
Mas não são todo trabalhador têm direito ao Pis e o Pasep. Só pode receber quem trabalhou em 2006 por pelo menos um mês com carteira assinada; ganhava menos de dois salários mínimos por mês e está cadastrado no Pis/PASEP desde 2002.
O cadastro é feito automaticamente, quando a pessoa trabalha pela primeira vez com carteira assinada. Quem descobriu que tem direito ficou feliz. “Eu vou correr atrás, sempre é bem vindo, um dinheiro extra”, fala uma trabalhadora.
“Eu vou pagar minhas contas e vai me ajudar a comprar um carro. E todo mundo vai buscar seu PIS que vale a pena!”, diz outro trabalhador.
Para mais informações sobre o 14º salário dos trabalhadores brasileiros:
Região Centro Oeste e Sul ligue:0800 61 01 01
Demais regiões:0800 285 01 01
Fonte: O Globo

Nenhum comentário: